-10%

Obrigada pelo Lume

16,59 14,93

Categoria: Etiqueta:
isbn

9789896232108

authors

Mario Benedetti

authors_json

[{"id":8694,"name":"Mario Benedetti","permalink":"mario-benedeti","image":"personas/May2019/Ky7iumGak0lGKpu9pKjf.jpg","description":"<p style="text-align: justify;"><span><strong>Mario Benedetti</strong> (1920-2009), escritor uruguaio, é um dos principais autores da literatura sul-americana do século xx, detentor de uma extensa obra composta por mais de meia centena de títulos de poesia, romance, ensaio e textos teatrais. </span><br /><span>Intelectual participante activo nos problemas do seu país, colabora e exerce vários cargos no jornalismo literário. É nomeado, em 1971, director do Departamento de Literatura da Universidade de Montevideo, porém, o golpe militar de 1973 e as suas convicções políticas numa América Latina em plena convulsão obrigam-no a sucessivos exílios: primeiro na Argentina, posteriormente no Peru, onde é detido e deportado, sucessivamente para Cuba, finalmente para Espanha. </span><br /><span>A publicação, em 1960, do romance A Trégua granjeia-lhe enorme sucesso: o livro totaliza mais de 100 edições e é traduzido em 20 línguas, com adaptações ao teatro, à rádio e ao cinema. De Mario Benedetti, destacam-se, igualmente, de 1965, o romance Obrigada pelo Lume e, de 1992, A Borra do Café.</span></p>","gender":"M"}]

edition_number

2

publish_date

outubro 2015

number_of_pages

228

cover_type
dimensions

150 X 225

garanteed_price
pdf_file_name
Promoção Atual

-10%

Descrição

Ramón Budiño viveu toda a sua vida à sombra do pai, Edmundo Budiño, político proeminente do regime, homem autoritário e desonesto, que representa tudo aquilo que ele despreza e de que, no entanto, não tem coragem de se libertar. A sua vida é uma quotidiana luta que trava con­sigo próprio e que o leva a questionar-se sobre tudo o que o rodeia. Para sair do impasse em que se encontra e para restituir ao seu filho, Gustavo, os sonhos e a esperança, Ramón toma uma decisão radical: «eliminar o velho». Contudo, Ramón hesita, e as suas dúvidas conduzem-no a um final inesperado.

Um dos romances mais marcantes da literatura sul-americana, Obrigada pelo lume é simultaneamente o retrato crítico e desapiedado de uma so­ciedade imóvel e corrupta, a braços com a difícil tarefa de conciliar um passado autoritário com um presente democrático, e o da inextricável teia diária de frustrações e esperanças de que é composta a vida.

Informação adicional

isbn

9789896232108

authors

Mario Benedetti

authors_json

[{"id":8694,"name":"Mario Benedetti","permalink":"mario-benedeti","image":"personas/May2019/Ky7iumGak0lGKpu9pKjf.jpg","description":"<p style="text-align: justify;"><span><strong>Mario Benedetti</strong> (1920-2009), escritor uruguaio, é um dos principais autores da literatura sul-americana do século xx, detentor de uma extensa obra composta por mais de meia centena de títulos de poesia, romance, ensaio e textos teatrais. </span><br /><span>Intelectual participante activo nos problemas do seu país, colabora e exerce vários cargos no jornalismo literário. É nomeado, em 1971, director do Departamento de Literatura da Universidade de Montevideo, porém, o golpe militar de 1973 e as suas convicções políticas numa América Latina em plena convulsão obrigam-no a sucessivos exílios: primeiro na Argentina, posteriormente no Peru, onde é detido e deportado, sucessivamente para Cuba, finalmente para Espanha. </span><br /><span>A publicação, em 1960, do romance A Trégua granjeia-lhe enorme sucesso: o livro totaliza mais de 100 edições e é traduzido em 20 línguas, com adaptações ao teatro, à rádio e ao cinema. De Mario Benedetti, destacam-se, igualmente, de 1965, o romance Obrigada pelo Lume e, de 1992, A Borra do Café.</span></p>","gender":"M"}]

edition_number

2

publish_date

outubro 2015

number_of_pages

228

cover_type
dimensions

150 X 225

garanteed_price
pdf_file_name
Promoção Atual

-10%