• AUTOR Eva Weaver
  • ISBN 9789898917713
  • 1ª EDIÇÃO

    março de 2019

  • EDIÇÃO ATUAL

    2

  • PÁGINAS

    320

  • APRESENTAÇÃO

    capa mole

  • DIMENSÕES

    150x230x18,5

    mm
  • PREÇO 17,69 IVA incluído
  • preço fixo até 31-08-2020
Etiqueta:

Um relato de guerra pelos olhos de uma criança e do seu carrasco. Uma história emocionante sobre coragem e o poder do perdão.

Baseado em factos reais

«Eu tinha 12 anos quando o casaco foi feito. Nathan, o nosso alfaiate e querido amigo, começou a costurá-lo para o meu avô na primeira semana de março de 1938. Esse foi o último ano de liberdade para Varsóvia e para todos nós.»

Quando a Polónia é ocupada pelos nazis, os judeus são escorraçados para um gueto imundo e insalubre, aguardando um destino terrível. Entre eles está o jovem Mika, que, depois da morte do avô, herda o seu casaco, descobrindo nos bolsos secretos um grande tesouro: um fantoche. Apesar de ser apenas um simples fantoche de um príncipe, transforma-se para Mika num símbolo de esperança. Inspirado pelo projeto que o avô começara, o rapaz cria uma trupe de fantoches para animar as crianças do gueto.

Aos poucos, a sua fama espalha-se por entre todos os que procuram um pouco de cor e alegria entre a morte e a cinza. Até que, certo dia, o talento de Mika é descoberto por um oficial alemão, que leva o rapaz para entreter os mesmos soldados que perseguem e matam os seus amigos e familiares. Mas, se quer sobreviver, a única alternativa de Mika será tentar agradar ao seu inimigo.

Um relato dos dois lados de uma guerra cruel e uma viagem épica sobre sobrevivência, que atravessa continentes e gerações, desde Varsóvia até aos gulags da Sibéria.

De que forma se pode alimentar a esperança em tempos tão negros?