-10%

O Elmo do Horror

17,69 15,92

Categoria: Etiqueta:
isbn

9789898864475

authors

Victor Pelevin

authors_json

[{"id":8635,"name":"Victor Pelevin","permalink":"victor-pelevin","image":"personas/May2019/OvOQ2qxQfzg9hiEwfZC5.jpg","description":"<p style="text-align: justify;"><strong>Victor Pelevin</strong>, romancista e ensaísta, nasceu em Moscovo, em 1962, onde frequentou o Instituto Gorky de Literatura.</p>n<p style="text-align: justify;">Foi colaborador das revistas <em>The New York Times Magazine</em>, <em>Granta</em> e <em>Open City</em>. Estreou-se em 1992, com a publicação de um volume de contos,<em> The Blue Lantern</em>, vencedor do prémio russo Little Booker e, no mesmo ano, do romance, <em>Omon Ra</em>, finalista do Prémio Booker.</p>n<p style="text-align: justify;">Desde então, Pelevin tornou-se uma referência da literatura internacional, sendo considerado um dos mais importantes autores surgidos no período pós-soviético. A sua obra está traduzida em mais de 20 línguas.</p>","gender":"M"}]

edition_number

1

publish_date

outubro de 2018

number_of_pages

192

cover_type

capa mole

dimensions

150x222x15

garanteed_price

2020-03-31 00:00:00

pdf_file_name

[{"download_link":"books/June2019/P0o3w0Or74vzR0bZ9xLT.pdf","original_name":"9789898864475.pdf"}]

Promoção Atual

-10%

Descrição

 «Construirei um labirinto onde possa perder-me, juntamente com todos aqueles que tentem encontrar-me – quem disse isto e a que se referia?»

Ariadne, Teseu e um grupo de sete jovens, o mesmo número que, segundo o antigo mito grego, deveria todos os anos ser sacrificado ao Minotauro, estão prisioneiros num estranho labirinto no interior da Internet, confinados a um chatroom, procurando a todo o custo sair deste labirinto virtual e regressar ao mundo real. Aos poucos, à medida que o diálogo avança, torna-se evidente que uma força oculta, um misterioso monstro e o seu temido Elmo do Horror, manipula o conteúdo das mensagens, controlando o destino de todos.

Ligando a antiga Grécia a Freud e aos horrores do subconsciente, e as narrativas tradicionais ao modo como comunicamos no século XXI, Pelevin reinventa o passado e interpreta o futuro da literatura num empolgante jogo de sombras e reflexos.

«Uma visão pós-moderna e genial dos conceitos de mito, mente e significado.» – The Times

«Pelevin é um escritor extremamente inventivo, com um olhar contundente e mordaz e uma sensibilidade anárquica.» – The Guardian

Informação adicional

isbn

9789898864475

authors

Victor Pelevin

authors_json

[{"id":8635,"name":"Victor Pelevin","permalink":"victor-pelevin","image":"personas/May2019/OvOQ2qxQfzg9hiEwfZC5.jpg","description":"<p style="text-align: justify;"><strong>Victor Pelevin</strong>, romancista e ensaísta, nasceu em Moscovo, em 1962, onde frequentou o Instituto Gorky de Literatura.</p>n<p style="text-align: justify;">Foi colaborador das revistas <em>The New York Times Magazine</em>, <em>Granta</em> e <em>Open City</em>. Estreou-se em 1992, com a publicação de um volume de contos,<em> The Blue Lantern</em>, vencedor do prémio russo Little Booker e, no mesmo ano, do romance, <em>Omon Ra</em>, finalista do Prémio Booker.</p>n<p style="text-align: justify;">Desde então, Pelevin tornou-se uma referência da literatura internacional, sendo considerado um dos mais importantes autores surgidos no período pós-soviético. A sua obra está traduzida em mais de 20 línguas.</p>","gender":"M"}]

edition_number

1

publish_date

outubro de 2018

number_of_pages

192

cover_type

capa mole

dimensions

150x222x15

garanteed_price

2020-03-31 00:00:00

pdf_file_name

[{"download_link":"books/June2019/P0o3w0Or74vzR0bZ9xLT.pdf","original_name":"9789898864475.pdf"}]

Promoção Atual

-10%