-10%

A Tempestade

16,59 14,93

Categoria: Etiqueta:
isbn

9789896232269

authors

Ferreira de Castro

authors_json

[{"id":8692,"name":"Ferreira de Castro","permalink":"ferreira-de-castro","image":"personas/May2019/7YFSy5X8eRR5HfLSLBmc.jpg","description":"<p style="text-align: justify;"><span>José Maria <strong>Ferreira de Castro</strong> (1898 – 1974) é uma das figuras cimeiras da literatura portuguesa. Publica, em 1928, o romance <em>Emigrantes</em> e <em>A Selva</em> em 1930, acompanhados de estrondoso êxito internacional, onde a literatura portuguesa pouca expressão tinha. Seguir-se-á, a um ritmo regular, a publicação de outros romances: <em>Eternidade</em> (1933), <em>Terra Fria</em> (1934), <em>A Tempestade</em> (1940), <em>A Lã e a Neve</em> (1947). No período imediato ao pós-guerra, Ferreira de Castro torna-se um dos autores mais lidos em Portugal e no estrangeiro. </span></p>n<p style="text-align: justify;"><span>Nos anos cinquenta publica o romance <em>A Curva da Estrada</em> e, entre outras obras, a famosa novela <em>A Missão</em>. De 1968 data o romance <em>O Instinto Supremo</em>, onde o autor regressa, quase quatro décadas depois de <em>A Selva</em>, ficcionalmente à selva amazónica. Ferreira de Castro foi, diversas vezes, proposto para o Prémio Nobel e, outras tantas, recusou sê-lo, em prol de outros escritores portugueses.</span></p>","gender":"M"}]

edition_number

1

publish_date

abril 2017

number_of_pages

192

cover_type
dimensions

150 X 225

garanteed_price
pdf_file_name
Promoção Atual

-10%

Descrição

Albano, funcionário bancário, viúvo e com uma filha pequena, apaixona-se por Cecília e, apesar das diferenças de classe que existem entre os dois, casam. A suspeita de infidelidade, porém, evidenciará o seu verdadeiro carácter. O ciúme, a irracionalidade e um sentido de honra distorcido, precipitarão os acontecimentos à medida que Albano procura justificar os seus actos.

Elogiado de imediato pela crítica como «empolgante romance psicológico», que conjuga «dramatismo equilibrado, concisão, rigor descritivo e aquele sentido trágico da vida, sem excluir a ironia e o sarcasmo», em A Tempestade, Ferreira de Castro transita com mestria das grandes paisagens de A Selva ou Terra Fria para a dimensão fechada do espaço doméstico citadino, denunciando, com «compreensão humanista», as suas fragilidades psicológicas e, sobretudo, a desolada condição da mulher e o mesquinho espartilho moral que a sociedade lhe impõe.

Informação adicional

isbn

9789896232269

authors

Ferreira de Castro

authors_json

[{"id":8692,"name":"Ferreira de Castro","permalink":"ferreira-de-castro","image":"personas/May2019/7YFSy5X8eRR5HfLSLBmc.jpg","description":"<p style="text-align: justify;"><span>José Maria <strong>Ferreira de Castro</strong> (1898 – 1974) é uma das figuras cimeiras da literatura portuguesa. Publica, em 1928, o romance <em>Emigrantes</em> e <em>A Selva</em> em 1930, acompanhados de estrondoso êxito internacional, onde a literatura portuguesa pouca expressão tinha. Seguir-se-á, a um ritmo regular, a publicação de outros romances: <em>Eternidade</em> (1933), <em>Terra Fria</em> (1934), <em>A Tempestade</em> (1940), <em>A Lã e a Neve</em> (1947). No período imediato ao pós-guerra, Ferreira de Castro torna-se um dos autores mais lidos em Portugal e no estrangeiro. </span></p>n<p style="text-align: justify;"><span>Nos anos cinquenta publica o romance <em>A Curva da Estrada</em> e, entre outras obras, a famosa novela <em>A Missão</em>. De 1968 data o romance <em>O Instinto Supremo</em>, onde o autor regressa, quase quatro décadas depois de <em>A Selva</em>, ficcionalmente à selva amazónica. Ferreira de Castro foi, diversas vezes, proposto para o Prémio Nobel e, outras tantas, recusou sê-lo, em prol de outros escritores portugueses.</span></p>","gender":"M"}]

edition_number

1

publish_date

abril 2017

number_of_pages

192

cover_type
dimensions

150 X 225

garanteed_price
pdf_file_name
Promoção Atual

-10%